Big Food Workshop: evento online sobre economia circular dos alimentos

June 01, 2020
Big Food Workshop News2

Você tem interesse em aprender sobre sistemas alimentares regenerativos e restaurativos e como eles podem ajudar a enfrentar a crise climática, a perda da biodiversidade, criar cidades saudáveis e criar novas oportunidades de negócio?

Realizaremos nosso primeiro Big Food Workshop de 15 a 17 de junho, um evento virtual que será aberto a todos.

Organizado por especialistas da Iniciativa de Alimentos da Fundação Ellen MacArthur, o workshop contará com palestrantes convidados de organizações de todo o mundo, incluindo formuladores de políticas, produtores de alimentos, chefs, acadêmicos e líderes da indústria.

O evento é destinado a qualquer pessoa com interesse na indústria de alimentos, sistemas de alimentos e economia circular. Será uma oportunidade para compartilhar conhecimento, aprender e trabalhar juntos para transformar os sistemas alimentares globalmente.

Os participantes aprenderão sobre uma economia circular dos alimentos - como ela funciona, os benefícios que traz para a economia, as pessoas e o meio ambiente e como ela pode ajudar as cidades e as empresas a se reconstruírem melhor após a crise da Covid-19. Palestrantes experientes darão vida à economia circular dos alimentos com exemplos reais de sistemas alimentares transformadores que já estão em ação.

O Big Food Workshop terá sessões para todos os fusos horários, além de grupos interativos onde você será capaz de aprender sobre o trabalho que a Fundação está fazendo e ajudar a moldá-lo. Inscreva-se agora, para quantas sessões desejar.

Nota: as sessões serão ministradas em inglês.

Sessões

Conheça as sessões que serão realizadas durante o Big Food Workshop:

15 de junho

Iniciativa de Alimentos da Fundação Ellen MacArthur: destaques do primeiro ano de mobilização

Horário: 13:00 - 14:00 (GMT+1)

Como uma economia circular pode aproveitar todo o potencial da comida para permitir que as pessoas e a natureza prosperem? O que é preciso para colocá-la em ação? E o que torna a economia circular para os alimentos mais relevante do que nunca?

A pandemia expôs as complexidades e fragilidade dos sistemas alimentares existentes. Representantes de Londres, Nova Iorque e São Paulo irão partilhar algumas das suas experiências em resposta à crise do COVID-19. Saiba mais e se inscreva.


Como sistemas alimentares e cidades podem moldar uns aos outros positivamente?

Horário: 16:00 - 17:00 (GMT+1)

Nesta sessão, os líderes do pensamento Carolyn Steel e Harriet Friedmann discutirão a história da relação cidade-alimento, a interdependência entre cidades e campo, e a oportunidade para as cidades reimaginarem os sistemas alimentares. Stephen Otieno do C40 e James Ehrlich do Regen Villages fornecerão exemplos inspiradores do mundo real de como suas organizações estão aplicando princípios de economia circular para colocar o alimento no centro das estratégias da cidade e criar fortes ligações entre o rural e o urbano. Saiba mais e se inscreva.

16 de junho

Chefs, desenho de menu e pensamento sistêmico

Horário: 17:00 - 18:00 (GMT+1)

Chefs irão desempenhar um dos papéis mais importantes em um futuro sistema circular dos alimentos. As suas escolhas de ingredientes e métodos de preparação podem ter enormes impactos positivos no ambiente e na sociedade. Se esse poder for canalizado de forma eficaz, o próprio ato de comer suas refeições ou seguir suas receitas poderia levar ao sequestro de carbono, à melhoria da vida dos agricultores periurbanos ou à prevenção de desperdícios. Nesta sessão, temos um painel de chefs de todo o mundo, que se especializam em pensamento de sistemas, para compartilhar histórias sobre como eles desenvolveram empresas de alimentos que são bem sucedidos e alinhados com os princípios da economia circular. Saiba mais e se inscreva.

Inovação e colaboração com a rede de valor alimentar

Horário: 17:30 - 18:00 (GMT+1)

Em todo o sistema alimentar, as pessoas trabalham juntas em parceria para fornecer o a comida que nos alimenta. Nesta discussão moderada, ouviremos do Compass Group e da Baldor Speciality Foods, duas organizações líderes que estão repensando o potencial alimentar, projetando menus inovadores e colaborando com seus parceiros de maneiras novas e animadoras. Discutiremos como eles definem ambições e cumprem seus compromissos. Os participantes terão a oportunidade de enviar perguntas aos palestrantes. Saiba mais e se inscreva.

Sessão de contribuição: dê seu feedback para a Fundação Ellen MacArthur

Horário 1: 16 de junho, 19:00 - 19:45 (GMT+1)

Horário 2: 17 de junho, 9:00 - 9:45 (GMT+1)

Junte-se a nós para uma prévia dos recursos e ferramentas que a equipe está trabalhando para ajudar a acelerar a transição para uma economia circular para alimentos, prevista para lançamento ainda este ano. Esta é a sua oportunidade de fornecer feedback e ajudar a moldar a nossa liderança de pensamento em algo que é verdadeiramente inovador, distinto e útil. Saiba mais e se inscreva.

As sessões de contribuição têm vagas limitadas, por isso, registre-se assim que puder e em apenas em um horário. As sessões são idênticas e abordarão o mesmo material.

17 de junho

Como o alimento do futuro será cultivado?

Horário: 11:00 - 11:30 (GMT+1)

Numa economia circular dos alimentos, o cultivo de alimentos regenera a natureza e, ao fazê-lo, enfrenta as alterações climáticas e impulsiona a biodiversidade. Esta abordagem tem inspiração na natureza. Os sistemas naturais são inerentemente regenerativos - os nutrientes de uma espécie tornam-se alimento de outra, os organismos vivem e morrem, e eventualmente são devolvidos à terra e o ciclo recomeça, não deixando resíduos. Vamos ouvir três especialistas e profissionais que irão partilhar a sua visão de um sistema alimentar regenerativo e como ele funciona na prática. Saiba mais e se inscreva.

Retornando nutrientes para o solo (e além)

Horário: 11:30 - 12:00 (GMT+1)

No contexto de um sistema alimentar circular, os materiais orgânicos descartados deixariam de ser um incómodo público, uma despesa ou um perigo para a saúde, e, em vez disso, o seu valor inerente é reconhecido. Depois de prevenir o desperdício de alimentos comestíveis e projetar novos produtos alimentares, os coprodutos se tornam insumos valiosos para a economia em geral e os nutrientes seriam devolvidos com segurança à terra - o tema desta sessão. Saiba mais e se inscreva.

Retornar a notícias >>

We have detected that you are using an older browser. Please update to the latest version of Google Chrome, Mozilla Firefox or Microsoft Edge to improve your user experience.

If you are unable to upgrade your browser, please see our Technical FAQ page to get tips on how to improve your user experience.